Notícias

jorge pinheiro agraciado com o prémio de artes plásticas

No âmbito do Prémio de Artes Plásticas “Teixeira Lopes” Prémio Nacional Cidade de Gaia, atribuído como Personalidade do Ano ao Pintor Jorge Pinheiro será inaugurada, no próximo dia 6 de Junho, pelas 15h30, a exposição,

“Discursos sem Histórias Dentro”

A exposição estará patente até ao dia 12 de Julho na Casa-Museu Teixeira Lopes/ Galerias Diogo de Macedo
Rua Conselheiro Veloso da Cruz, 714 - Vila Nova de Gaia

De 3ª a 6ª Feira das 10h00 às 12h00 e das 14h00 às 17h00
Aos Sábados das 09h00 às 12h30 e das 14h00 às 17h00

Ao Pintor Jorge Pinheiro, Mário Dorminsky entregou o prémio Artes Plásticas «Teixeira Lopes», atribuído por um júri composto por Jaime Isidoro, João Cutileiro, Armanda Passos, José Gomes Pinho, José Rodrigues, Artur Santos Silva e Paulo Teixeira Lopes.
O premiado disse ter ficado “estupefacto”, uma vez que na sua opinião “ninguém merece” um prémio, quando se faz “aquilo que deve, a sua obrigação é fazer bem feito”.

Membro do grupo Os Quatro Vintes, juntamente com Ângelo de Sousa, José Rodrigues e Armando Alves, Jorge Pinheiro é um dos maiores pintores contemporâneos.
Dos vários prémios obtidos, destacam-se o Prémio da Associação Internacional dos Críticos de Arte (2003), Prémio Gouvernement Princier de Mónaco (1989), Prémio da III Exposição de Gravura, Fundação Calouste Gulbenkian, Lisboa (1981), Certificat of the International Board for Young People (1973) e medalha de prata "Cinquentenário da Morte de Amadeo de Souza-Cardoso" (1969).
Está representado em inúmeras colecções privadas e públicas tais como o Museu Nacional de Arte Contemporânea, Museu do Chiado, Centro de Arte Moderna da Fundação Calouste Gulbenkian; Museu de Serralves e Fundação Ilídio Pinho; Fundação Berardo; Ministério da Cultura, Caixa Geral de Depósitos, Banco de Portugal, Banco Espírito Santo, Millennium/BCP e Museu da Electricidade/EDP.

 
 
 

2015 GALERIA FERNANDO SANTOS

all rights reserved © web project see link