Notícias

ArcoLisboa 2021 em Setembro

A ARCOlisboa e a Administração do Porto de Lisboa estabeleceram uma parceria com vista à realização da quinta edição desta feira. A Doca de Pedrouços, marcada pela excepcional arquitectura industrial onde se instalava a Docapesca, irá acolher durante os dias 16 e 19 de Setembro o maior evento internacional de arte contemporânea na cidade.

O evento foi transferido para o final do Verão por decisão da co-organização, composta pela Câmara Municipal de Lisboa, IFEMA e Comité Organizador da feira, com o objetivo de promover o encontro de galerias, coleccionadores e profissionais internacionais.

A feira de arte mantém assim proximidade ao polo cultural do bairro de Belém, continuando a apostar num espaço inundado de luz natural, de fácil acesso e, desta vez, banhado pelo rio Tejo.

Desde a primeira edição da feira que a escolha do espaço para a sua realização assume uma importância estratégica, tendo a organização optado por estruturas com características únicas em alternativa aos centros de exposição geralmente utilizados para o efeito.

A escolha deste equipamento de áreas amplas no interior e exterior, prevê tirar o máximo partido do clima ameno que caracteriza o mês de Setembro, permitindo usufruir de um local arejado, ideal para a nova normalidade.

A quinta edição da ARCOlisboa vai reunir "cerca de 70 galerias" nacionais e internacionais, cuja oferta artística expressará o "vibrante panorama contemporâneo de Portugal em diálogo com surpreendentes propostas internacionais".

O programa geral do evento será constituído pelas galerias seleccionadas pelo comité organizador, havendo ainda programas comissariados. Um deles será a secção Abertura, que este ano cresce com a participação de um maior número de galerias; o outro, com o nome de "Kunsthalle Lissabon", que trará novos artistas e cenários, assim como "África em Foco", comissariada por Paula Nascimento, apresentando uma amostra atenta à criação artística africana na actualidade.

A edição de 2020 da ARCOlisboa, que iria realizar-se de 14 a 17 de maio do ano passado, na Cordoaria Nacional, foi cancelada pelos organizadores, devido à pandemia de Covid-19, tendo a nova data sido marcada inicialmente para 13 a 16 do mesmo mês de 2021. A feira, que se realiza anualmente, desde 2016, na capital portuguesa, reuniu na última edição, realizada em 2019, 71 galerias de arte contemporânea, sobretudo de Portugal e de Espanha, e foi visitada por cerca de 11 mil pessoas.

(Fonte: IFEMA)

 
 
 

2015 GALERIA FERNANDO SANTOS

all rights reserved © web project see link